Faça parte do Lanteri

“Paixão de Cristo” lota pedreira 26/03/2016

“Contar a maior de todas as histórias não é um trabalho, é um privilégio que temos há 38 anos. Durante este tempo tivemos a felicidade de poder contar esta história para mais de 500 mil pessoas. Acreditamos ter contribuído para o fortalecimento da fé e da esperança de muitas pessoas. Esperamos que aproveitem, que apreciem o nosso trabalho, pois somos do povo. Hoje somos atores, amanhã voltaremos a ser mecânicos, pedreiros, professores, contadores, trabalhadores. Desta maneira vocês  também são nossos atores.”

Com estas palavras, Edson Martins, diretor de produção do Grupo Lanteri acolheu ao público na Pedreira Paulo Leminski, dia 25 de março, em mais uma edição do espetáculo “Vida, Paixão e Morte de Jesus Cristo.

Na sequencia o diretor também agradeceu a presença de todos e ressaltou, em especial ao apoio recebido dos vereadores. “Este ano, devido à escassez de recursos pedimos ajuda aos nossos representantes na câmara municipal e eles responderam prontamente,” disse ele, agradecendo aos vereadores Tico Kuzma, pelo apoio ao longo dos anos, e aos demais, Paulo Salamuni, Serginho do Posto, Chicareli, Dona Lurdes, Jorge Bernardi, Tito Zeglin, Geovane Ferandes, Felipe Braga cortes, Tiago Gevert, Sabino Pícolo e Valdemir Soares, sem os quais não teria sido possivel realizar o evento deste ano.

Na ocasião Edson também agradeceu ao apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba, na pessoa do prefeito Gustavo Fruet, da Fundação Cultural de Curitiba, na pessoa do presidente Marcos Cordiolli, à Secetaria Municipal de Urbanismo, Guarda Municipal, Polícia Militar do Paraná, Corpo de Bombeiros, Regimento Coronel Dulcídio, Setram e Centro Estadual de Educação Profissional de Curitiba.

O espetáculo 2016 emocionou uma multidão de cerca de 20 mil pessoas.

Campanha – Antes de iniciar a encenação o Grupo Lanteri abriu espaço para a Campanha Social “Todos juntos pela Isa” (www.facebook.com/juntospelaisa). Foram cinco minutos cedidos aos amigos e familiares da bebê de apenas 7 meses que sofre com uma doença grave no coração e aguarda por um transplante. O objetivo foi aproveitar o grande número de pessoas para divulgar a iniciativa e fazer um apelo ao público para aderir a campanha.

 

Veja mais Notícias